A Entidade: Mr. Boogei


Bagul, também conhecido como Buhguul e Sr. Boogie, é o principal antagonista do filme de terror 2012 Sinister (A Entidade título em português). Ele é uma antiga divindade pagã da Babilônia que consome as almas das crianças humanas, e pode viajar em nosso mundo através de imagens de si próprio, isto é, basta você ver uma imagem dele, para que ele entre onde você está.

(Aqui o Trailer do filme para vocês conhecerem um pouco.)

É uma estilização criada em cima de uma lenda que já carregamos a séculos, espalhada para o terror de nossa infância. Estamos falando o famoso bicho-papão... chamado em inglês de Bogeyman.

"Em muitos países, uma criatura bicho-papão, como é retratado como um homem com um saco nas costas que carrega crianças desobedientes distância. Isto é verdade para muitos países latinos, como Espanha, Portugal, Brasil e os países da América espanhola, onde referidos como el "Hombre de la Bolsa", el hombre del saco, ou em Português, O Homem do Saco (todos que significa "o homem saco"). Lendas semelhantes também são muito comuns na Europa de Leste, bem como Haiti e alguns países da Ásia."

A verdade é que essa lenda iniciou-se por cultos a um deus pagão, considerado um demônio pela crença cristã e da cabala, estamos falando de Moloch...

Moloch

Moloch ou Moloque, também conhecido como Malcã, conforme os textos bíblicos, é o nome do deus ao qual os amonitas, uma etnia de Canaã (povos presentes na península arábica e na região do Oriente Médio), sacrificavam seus recém-nascidos, jogando-os em uma fogueira. Também é o nome de um demônio na tradição cristã e cabalística.

Segundo as escrituras, os povos amorreus, por volta de 1900 a.C., adoravam Moloque. Há quem diga que, nos rituais de adoração havia atos sexuais e sacrifícios de crianças. Estas eram jogadas em uma cavidade da estátua de Moloque, onde havia fogo consumindo assim a criança viva. Ele era, em simultâneo, um fogo purificador, destruidor e consumidor.


A aparência de Moloque era um corpo humano com cabeça de boi ou leão, no seu ventre havia uma cavidade em que o fogo era aceso para consumir sacrifícios. Muitos povos adoravam Moloque, porém com o fortalecimento do povo Hebreu e de outros reinos, estes povos foram desaparecendo, deixando o costume de adoração a Moloque.

Pelas ordens de Deus dadas ao povo hebreu através de Moisés, era proibido, expressamente, a adoração a Moloque, bem como também o sacrifício de crianças a ele, sendo este severamente punido (Lv 20,2-5).


Os gregos antigos identificaram este deus cananeu, adorado pelos cartagineses com sacrifícios de bebês, com Cronos.


Agora vem o lado mais negro desta história...

O n.º de crianças que desaparecem no Brasil e no mundo aumenta exponencialmente. O Brasil é o país mais procurado do mundo para turismo sexual, sabem por quê? Nossas leis não são aplicáveis à estrangeira. Eles devem ser julgados em seus países de origem. Nos países europeus, crimes executados por nativos em outros continentes não são julgados.

Nossas crianças são roubadas para práticas de crimes sexuais e sacrifícios. Elas são raptadas por quadrilhas brasileiras e negociadas na Deep Web.

Existem políticos e celebridades envolvidos neste negócio altamente lucrativo. E enquanto o povo não tomar conta da sociedade, a sociedade estará envolta de uma doença, onde só se observa o que se deixa ser visto.

Aquilo que não vemos, o nosso coração não sente. Mas não quer dizer que não exista! E amanhã pode acontecer, ou talvez já tenha acontecido quem sabe com alguém perto de você, uma criança desaparecida sem motivos, sem que ela nunca seja encontrada...

O incrível é que os rastros delas somem, como se elas nunca tivessem existido. Nem a polícia e todo seu equipamento, consegue acha-las. Agora você sabe o porquê...

Por:
 Micky Nekoi

5 comentários:

  1. Ótima matéria, achei que ia falar sobre o Bicho-Papão, mas foi mais que isso... Curti o/

    ResponderExcluir
  2. Que post excelente.
    Cultura pop, História e uma puta mensagem forte no final.

    ResponderExcluir
  3. Eu sabia que tinha dedo de politico no meio dessa história, usam crianças pra fazer esses rituais e é lamentável isso por que no filme não mostra nada disso. Claro que joga uma indireta, por que uma criança de cada familia desaparece. Mas as pessoas desse mundo não sabem com quem estão lhe dando, pois muitos pensam que DEUS é o dono do mundo. JESUS disse que o reino dele não é nesse mundo, que o reino dele é no céu, E eu digo que o dono desse mundo em que estamos é o demônio, é por esse motivo que o mundo está perdido.

    ResponderExcluir