quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

O Trem Fantasma


Por volta das três horas da manhã, os passageiros foram subitamente despertados pelo violento balanço do trem. O maquinista lutava pelo controle dos vagões, todos os passageiros correram desesperados para as janelas, somente para vislumbrar...  O impacto fulminante contra as pedras e tijolos da ponte Bostian, perto de Statesville EUA.

O trem havia descarrilado, bruscamente impactando contra as guarnições da ponte.  O som da locomotiva percorrendo os trilhos foi substituído pelo grito do metal de seus freios, e das pessoas em pânico dentro dos vagões.

O enorme trem caiu dramaticamente, em direção ao leito do riacho, 60 metros abaixo da ponte. O som de trovão que fez, quando colidiu com o fluxo de água, foi rapidamente substituído pelo igualmente terrível som de seus passageiros presos gritando e gemendo em agonia nos destroços retorcidos do trem. 42 pessoas foram mortas naquela noite num dos piores desastres na história da Carolina do Norte. Ocorrido no dia 27 de agosto de 1895. Desse ponto em diante, começou a lenda!

Cinquenta anos depois do desastre, uma mulher e seu marido tiveram um dos pneus de seu carro furado perto da Ponte Bostian logo após anoitecer. Seu marido foi atrás de auxílio pois não possuía um estepe reserva. Era noite do dia 27 de agosto, a mulher ficou aguardando próxima a linha do antigo trem de passageiros. Quando ao fundo, da imensidão escura dos trilhos, ela ouviu o som  de um apito, para logo em seguida rompendo noite adentro, surgir um trem  correndo naquela pista abandonada.
 
Com sua luz brilhante, quebrando a escuridão que até ali era serena. A locomotiva desgovernada correu pela ponte, para de repente descarrilar de forma pavorosa... Ela jurou ter ouvido pessoas gritando lá de dentro, antes do impacto das toneladas de ferro contra o riacho.

A mulher estava apavorada. Ela correu em direção ao trem destruído e olhou para dentro do rio. Mas agora ela só podia ouvir os gritos frenéticos e os gemidos de agonia dos sobreviventes. Naquele exato momento, um carro parou ao lado de seu veículo enguiçado, era seu marido acompanhado do dono de uma loja local, que tinha vindo para ajudá-los a concertar o pneu furado. Ela correu em direção a eles em desespero, tentando obter ajuda para os pobres passageiros presos abaixo. Quando ouviram  sua história, os homens correram para a borda e olharam para o leito do rio. Mas não havia nada lá.

A mulher tinha visto na verdade o acidente do trem de Statesville repetindo-se diante de seus olhos. Algumas pessoas dizem que o trem fantasma aparece todos os anos nas primeiras horas da noite de 27 de agosto, e é destruído diante dos olhos de qualquer um que estiver nas proximidades.

Outra aparição fantasmagórica ocorreu com dois homens que operavam um trem da carga, que passava muito próximo a linha deserta assombrada, dez anos depois do primeiro incidente. Eles estavam trabalhando na noite de 27 de agosto de 1955. Encontrando-se a cerca de três quilômetros da difamada ponte Bostian. Quando uma luz resplandecente surgiu logo a frente de sua cabine. Era inexplicavelmente outro trem, em rota de colisão contra eles. Um dos homens gritou com o outro para saltarem, mas não houve tempo.
   
Pois a luz já estava em cima de sua locomotiva. A colisão teria sido mortal. Mas tenebrosamente, o trem que se aproximava desviou  para a direita e correu passando por eles... Ouviu-se  um apito, e podia se ver vários passageiros olhando direto para os dois através das janelas. Havia somente uma única faixa de trilhos naquele ponto, não teria como o outro trem ter desviado. Um dos rapazes apavorados ainda conseguiu enxergar as rodas da locomotiva assombrada, mas estas não tocavam o chão!

Muito assustados com o incidente.  Os dois decidiram pedir alguns dias de licença. Ficando uma semana afastados, mas logo tiveram de voltar ao trabalho. Entretanto exatamente um ano mais tarde, o rapaz mais jovem estava alimentando a caldeira da locomotiva, quando ouviu o apito estridente rasgando o ar daquela noite calma. No mesmo ponto onde estavam um ano antes, na mesma linha... Do lado de fora mais uma vez a luz brilhante do trem fantasma surgiu do nada, cegando os dois.

Com o coração palpitando e aterrorizado, outra vez eles viram o trem desviar para a direita no último segundo possível. E correu passando pelos dois, seguindo um trilho que não existia. E novamente lá de dentro os seus passageiros olhavam com olhos vitrificados e curiosos para os dois, através de suas janelas.

O rapaz mais novo não quis retornar as suas funções depois disso. O mais velho permaneceu como maquinista do trem de carga.

Certa vez quando o rapaz que havia abandonado a ferrovia, encontrava-se concertando o motor de seu carro no quintal, três meses depois de ter se demitido, em uma noite no início de julho daquele ano, ficou sabendo pelo rádio, de um acidente próximo a ponte Bostian: Um trem de carga descarrilou de forma violenta.

Justamente a locomotiva de onde ele e seu amigo haviam avistado aquela aparição fantasmagórica. A locomotiva tinha descarrilhado e foi completamente destruída. Sete pessoas morreram no acidente, incluindo os dois  operadores do vagão. Um deles era seu amigo, que não quis abandonar a cabine de sua locomotiva.

2 comentários:

  1. Indiquei voes para a TAG Filmes de Terror. Abraços! http://arquivomisterioso.blogspot.com/2013/12/tag-filmes-de-terror.html

    ResponderExcluir
  2. Novo agregador de links Dorminhoco
    Cadastre e envie seus links
    http://dorminhoco.tudoqg.com/

    Esperamos seu cadastro

    ResponderExcluir

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS