quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Visagens Tiram a Paz de Moradores


Moradores do bairro Bom Jesus, no distrito de Marudá, município de Marapanim, na região do Salgado, estão aterrorizados com um fenômeno que eles consideram macabro que vem acontecendo nas noites desde o dia 09 de janeiro deste ano na comunidade.

Os acontecimentos têm deixados os moradores sem dormir durante todas essas noites desde que o fenômeno começou. São gritos alucinantes que ecoam pela madrugada, pedras que são jogadas contra portas e janelas, gargalhadas infernais, segundo os moradores, que vêm sempre com vento muito forte, mais quando alguém se atreve abrir a porta não consegue ver nada.

Alguns moradores tentaram gravar imagens, no entanto o medo é maior. Uma moradora disse que numa madrugada ao olhar pela fresta da casa viu um vulto semelhante a uma pessoa que ao perceber que estava sendo observado entrou em uma casa como um fantasma, “Esta casa estava toda fechada, como ele entrou pela parede” disse a moradora.

As residências mais perturbadas com o fenômeno pertencem aos moradores identificados como D. Rosa, Denise, Antônia e Elizete. O terror é tão grande, segundo eles, que fazem planos para se mudar de suas casas porque não estão mais aguentando os acontecimentos fora do normal.

Uma das casas onde os fenômenos têm se repetido a cada noite pertence ao pescador muito conhecido na localidade. Seu Amaral relatou ao radialista Hiris Santos, da Rádio Tropical FM, de Marudá que uma noite de quinta para sexta não conseguiu dormir com a família na casa devido esses acontecimentos macabros. “Várias pedras foram jogadas em minha casa e até meus cachorros já morreram”, disse o morador

Os relatos são os mais aterrorizantes possíveis. Cada morador do bairro tem uma história de medo e terror. Afinal o que está acontecendo no bairro do Bom Jesus?

Um macumbeiro foi chamado, mas informou que o fenômeno no bairro do Bom Jesus seria um problema psicológico. “Psicológico de todos os moradores” duvida uma moradora que tem a casa apedrejada todas as noites.

Um pastor evangélico que está no bairro para fundar uma igreja ficou aterrorizado com o que ouviu na noite passada. “A gente pensa em correr, mas para onde” disse o pastor ao radialista Hiris Santos. A Polícia Militar tem sido chamada todas as noites para fazer rondas no bairro, no entanto os fantasmas desaparecem quando a PM chega.

Uma vigília foi montada pela comunidade. Foram deixados gravadores e telefones celulares com filmadora em pontos estratégicos de onde vem o fenômeno na tentativa de gravar imagens e sons do ato macabro.

Fonte: http://alemdotumulo.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS