terça-feira, 25 de junho de 2013

O Visitante Sombrio

Sempre tive o hábito de ficar acordada até tarde e isso nunca foi problema, o escuro nunca me incomodou. Eu gastava horas em redes sociais, jogos online, blogs...

Com o tempo fui ficando entediada e já não vía motivos para acessar a internet. Entrava poucas vezes até encontrar um site interessante sobre assuntos sobrenaturais. Eu passava muito tempo distraída, lendo relatos "reais" e algumas histórias chamadas creepypastas. Ah! como era bom ler àquilo, o medo momentâneo que sentia era incrível!.

Como sempre fui uma pessoa cética, achava àquilo tudo uma grande bobagem. Acreditava que não passavam de invenções para chamar atenção, porém era divertido.

Foi aí que tive uma idéia: mandei um e-mail para o site com a seguinte mensagem:

" Alguém me ajude por favor! Não sei mais o que fazer... Tem uma criatura que me visita todas as noites... Ele é terrível! Na maioria das vezes só consigo ver uma sombra, mas quando ele quer mostra sua verdadeira face: Seus olhos são ocos, seu corpo esquelético e retorcido se arrasta pelo chão... Seu sorriso debochado é o que mais me incomoda."

A mensagem repercutiu mais do que eu imagei. Muitas pessoas afirmavam que tambem eram visitadas pela criatura! Logo pensei que àquilo não era verdade, eu havia inventado tudo! Como as pessoas podem tê-lo visto, se tudo foi criação minha? Pensei comigo mesma: "Sabia que eram fakes"

Já eram quase 3:00 da madrugada quando decidi dormir, virei-me para minha cama e estava pronta para deitar, mas senti um arrepio percorrer minha espinha... Fiquei amedrontada, paralisada, nunca havía sentido nada parecido. A primeira reação foi acender a luz, mas não tive tempo...

Ví uma silhueta escura se materializar bem na minha frente, tentei gritar, não consegui. Alí permaneci sem me mover. Quando meus olhos se acostumaram com a escuridão, tamanho foi meu pavor e surpresa ao perceber que a criatura que havía "inventado" estava na minha frente.

Ele desfez o sorriso medonho de seu rosto e disse: "É uma pena você achar que eu não existo, todas as noite venho aqui... Está quase chegando a hora. TIC, TAC, TIC, TAC"

Sua voz era grotesca, parecia que saia rasgando sua garganta. Fiquei tão assustada que desmaiei.

Ao acordar ví que já havia amanhecido. Lembrei do ocorrido e dei um suspiro de alívio, mas minha calma se foi quando fui ao banheiro limpar meu rosto, olhei no espelho e lá estava a criatura novamente... Desde então, ele sempre está por perto: em qualquer lugar que vou, em qualquer lugar que olho o vejo me observando.

Hoje ele disse "Está muito perto..." 

Atualmente não tenho mais interesse em ler "contos" de terror na internet, já vivo um horror suficiente e real em vida, vivo literalmente numa creepypasta. Acho que encontrei o que, inconscientemente, EU QUERIA. No fundo eu adorava sentir medo e foi isso que fez ele se aproximar, mas está chegando tã perto...

"Logo seremos um só..."

Se você não quer isso pra você, ouça meu conselho:
PARE DE PROCURAR O QUE VOCÊ NÃO VAI GOSTAR DE ENCONTRAR!

"Tempo esgotado... sua hora chegou!"

Senti meu corpo enfraquecer, não consigo controlar meu próprio corpo ele está em mim... Somos um! Como ele havía dito... Agora meus pensamentos começam a me deixar... Estou perdendo o controle sobre eles... Minha mente não me pertence mais!

Caso não deseje parar, um outro aviso:

"LOGO LHE FAREI UMA VISITA!"



Escrito por:  Ladydias

2 comentários:

  1. as vezes tua própria imaginação pode te pregar peças. Isso é um fato. As vezes o q tu mais deseja se realiza, nem sempre da melhor forma. Acredito tanto em creepypastas quanto em político honesto. Podem até existir mas ninguém têm provas. Amei a creepy=)

    ResponderExcluir

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS