domingo, 17 de agosto de 2014

A Fazenda Assombrada



A Fazenda Assombrada


Há muito tempo atrás, existia uma fazenda na cidade de Frontem, a Fazenda Conway, que pertencia a dois irmãos: James e Ryan, cada um tinha sua parte.
Ryan era muito ambicioso e queria, a qualquer custo, ter a fazenda só para ele.
Mal sabia ele o fim de tudo.
Um dia, Ryan estava sentado na varanda e viu um machado cravado na lenha. Não se lembrava de tê-lo posto, mas aquilo tinha dado uma idéia.
No outro dia, ele acordou bem cedo, pois James sempre ia tirar leite da vaca entre 04:00hs e 05:00hs da manhã. Achou o machado sobre a mesa, mais uma vez não se lembrava de ter posto ele ali, mas levou-o assim mesmo.
Ryan se escondeu atrás de um grande portão e esperou o seu irmão.
Quando ele apareceu, deu uma machadada com toda a força, arrancando a cabeça de imediato, mas o corpo ainda tinha reflexos e continuou em pé. Ele, desesperado, deu outra machadada, arrancando-lhe o braço, e ele não caia. Então, Ryan fechou os olhos e deu machadada para tudo quanto é lado, dividindo o corpo de James em vários pedaços.
Com medo de que alguém descobrisse, pegou um saco de lixo, colocou os pedaços de seu irmão dentro dele, jogou dentro do poço e enterrou o caso para sempre.
Pelo menos era o que ele achava.
Por ter morrido antes do tempo, James foi condenado a vaguear no mundo dos vivos até acabar com a vida de seu irmão Ryan.
Na primeira semana correu tudo direito mas, na segunda semana, Ryan começou a ouvir barulhos de machado cortando lenha. Abria a janela mas não via nada. Um mês depois, Ryan começou a ouvir um barulho de algo rolando no telhado mas, como o machado, não via nada.
Isso foi até o dia em que ele deixou a cortina aberta e viu algo realmente cair na varanda. Não acreditou no que viu, era a cabeça de seu irmão, enrolada num pano branco, que ficou no chão.
No dia seguinte, ele foi até a cidade falar com o padre, rezou tudo que tinha que rezar e voltou para casa.
Tudo estava calmo até que, um mês depois, as coisas voltaram, e piores. Pedaços do seu irmão caiam do lado de sua cama e o machado voava pela varanda. Um dia, Ryan viu um vulto pela cortina, se encheu de coragem e foi lá ver.
Foi o pior erro de sua vida: o machado pairava em pleno ar.
Ele abriu a janela para ver melhor e o machado voou em sua direção, fez uma grande curva e arrancou os dedos de Ryan. Ele fechou a janela e o machado voou em grande velocidade na direção da mesma, arrancando um pedaço e quebrando o vidro da janela.
O buraco foi de bom tamanho, pois o machado passou por ele, indo direto na direção de Ryan, que se ajoelhou e começou a rezar. O machado não parou e atravessou o pescoço de Ryan, fazendo ele ter o mesmo fim de seu irmão: seu corpo esquartejado no chão e seu espírito condenado a vaguear eternamente pela Fazenda Conway.
Hoje, um pedaço da fazenda virou um hotel, onde esta história é contada até hoje. Dizem que, quem não acredita, é atormentado pelo espírito de James até abandonar o local.
Lá, entre grandes atrações, ainda se pode visitar a Fazenda Conway, mais conhecida como a Fazenda Assombrada, onde, por incrível que pareça, foram encontrados ossos humanos dentro de um antigo poço.


Pessoal, peço-lhes seus comentários........
Incentivem-nos a continuar........
Grande abraço a todos........



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS