quarta-feira, 24 de julho de 2013

Psicopatia VS Sociopatia


As pessoas tendem a confundir psicopatas com sociopatas, muitas ainda, acham que é a mesma coisa; que tanto a psicopatia quanto a sociopatia se refere a loucos;  mas isso não é verdade, a ciência sabe como classificar cada indivíduo e cada um de seus transtornos mentais; a sociopatia e a psicopatia podem ser confundidas por serem realmente muito parecidas, para as pessoas o fim não justifica os meios, mas para os médicos e cientistas isso é diferente, estudar um criminoso inclui um exame de distúrbios mentais e suas raízes.

Mas a sociopatia e a psicopatia, tecnicamente, são equivalentes, pois na quarta edição do Manual de Diagnóstico e Estatístico de Transtornos mentais, as duas foram classificadas singularmente como um transtorno dissocial, ou transtorno de personalidade anti-social (TPAS) isso quer dizer, que são tratados de forma igual, mas não que seja a mesma coisa, se psicopatas se comportassem exatamente como sociopatas, qual seria o sentido de ter dois nomes para o mesmo tipo de pessoas, para o mesmo tipo de comportamento?

Apesar de não serem termos oficiais de diagnóstico e não serem consideradas doenças mentais, tanto a psicopatia quanto a sociopatia são perigosas e é importante identificar pessoas com esse tipo de transtorno.

O que sociopatas e psicopatas tem em comum:

Se esses dois grupos não apresentassem muitas características correspondentes, não seria tão difícil de identificar as diferenças, a sociedade leiga, não tem consciência de que psicopatas e sociopatas, não são necessariamente assassinos em série (só os mais famosos), como já dito antes, são indivíduos que sofrem de transtorno de personalidade anti social, ambos não conseguem ter empatia por ninguém, ambos compartilham de ausência de culpa, ambos têm capacidade de ser frios, inteligentes e charmosos. Ambos também tendem a desrespeitar as leis, desrespeitar os direitos dos outros e terem comportamento, na maioria das vezes, explosivo e imprevisível. Ambos também são incapazes de se colocar no lugar das pessoas.

Lembrando que não há um consenso entre os profissionais sobre as diferenças entre psicopatas e sociopatas, há uma lista de diferenças significativas, é um assunto muito complexo, pois muitos profissionais acreditam que seja a mesma coisa.

SOCIOPATAS:
As principais características dos sociopatas englobam:

Fácil agitação e nervosismo sem motivo, são instáveis não conseguem manter um emprego por muito tempo, são mal educados, são claramente pessoas perturbadas, possuem problemas de comportamento e desde a infância se mostram delinquentes, podem formar alianças com um indivíduo ou grupo mesmo não tendo consideração nenhuma por aqueles indivíduos nem para a sociedade, não pensam nas consequências de suas ações, portanto, cometem crimes desorganizados e na maioria das vezes espontâneos. A grande maioria de serial killers é sociopata, mas nesses casos a sociopatia pode estar ligada à esquizofrenia.
Os sociopatas também tendem a ser resistentes quanto ao tratamento e apesar de poderem miniminizar a vontade de cometer crimes, não podem ser curados.

PSICOPATAS:
Principais características dos psicopatas:

Ao contrário dos sociopatas, os psicopatas são frios e calculistas, conseguem se passar por pessoas normais, são na maioria das vezes encantadores e atraentes, ganham a confiança de qualquer um facilmente, sabem manipular as pessoas. Como os sociopatas, eles não sentem, mas diferentemente deles, conseguem imitar os sentimentos das outras pessoas e conseguem se passar por indivíduos normais, na maioria das vezes são educados e têm empregos estáveis, chegam ao ponto de formar famílias e criar laços profundos com outras pessoas sem elas sequer perceberem ou suspeitarem de sequer um ato. Psicopatas tendem a planejar cada detalhe de seus crimes, são organizados e muitas vezes, têm até um plano B para o caso de serem pegos.

Diferenças Significativas:

As diferenças entre os psicopatas e os sociopatas ficaram aqui bem claras, os sociopatas agem por impulso, fazem o que fazem porque gostam e não pensam nas consequências de seus atos, já os psicopatas calculam meticulosamente cada passo, têm um plano B, mentem melhor, são feitos para matar, as formas como cometem seus crimes são muito distintas, porém uma outra diferença que é muito discutida por especialistas é:

GENÉTICA X  AMBIENTE

Ao que tudo indica, a grande diferença entre sociopatas e psicopatas, não é como agem e sim, a origem do transtorno. Por exemplo, quando o distúrbio anti social é adquirido através da convivência, quando o indivíduo aprende a ser daquele jeito no próprio meio que vive para ganhar vantagem perante os demais, ele é um sociopata, sociopatas são expostos a abusos, traumas e violência ao longo da infância, já os psicopatas são levados a tal conduta graças uma combinação de fatores biológicos, genéticos e culturais, especialistas afirmam que graças a algum defeito fisiológico os psicopatas têm um cérebro subdesenvolvido na parte responsável pelo controle das emoções e dos impulsos, o que quer dizer que o indivíduo nasce psicopata, independente do ambiente onde nasceu ou conviveu.

Fonte: http://the-troublemaker.blogspot.com.br/

3 comentários:

  1. Eu achava que as características estavam trocadas, mas enfim, eu já fiz um teste que me disse que eu era um sociopata.... Mas agora estou confuso, mas enfim o teste estava certo, eu tenho muitas características de sociopata/psicopata... :D:D

    ResponderExcluir
  2. a maioria das pessoas que lê esse tipo de conteúdo diz ser psicopata ou sociopata,só quem é sabe o é não sentir amor por ninguém,sentir essa raiva ,esse ódio,ainda ter que fingir que se importa com alguém,eu não sei o que amor ,medo,ainda tem gente que tem coragem de dizer que é psicopata,eu nasci com os sentimentos anestesiados,posso me controlar,fingir.

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre soube a diferença entre psicopatia e sociopatia.

    ResponderExcluir

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS