segunda-feira, 6 de outubro de 2014

SCP-1810 "O protetor"

Item #: SCP-1810

Classe do Objeto: Euclid


Pr
ocedimentos de contenção especiais: SCP-1810 está contido em uma Unidade de Contenção Humanoide Grande no Local 147, com a adição de uma área de recreação com brinquedos variados, livros e material de arte. Deve ser dada três refeições diárias, de acordo com as diretrizes dos nutricionistas da Fundação. Todas as refeições ou bebidas dadas a SCP-1810 devem ser misturadas com uma combinação de anti-depressivos e um sedativo suave para reduzir a tensão mental de ser impedido de realizar a sua tarefa desejada, interagir com os agentes de segurança e funcionários e reduzir a probabilidade de uma nova tentativa de romper a célula de contenção. Os funcionários da Fundação que irão interagir com o SCP-1810 devem ser fluentes na língua francesa. SCP-1810 deve acessar à sua área de lazer até quatro horas por dia; este privilégio pode ser revogado pela equipe de segurança ou pelos pesquisadores, se SCP-1810 não for cooperativo.

Protector.jpg
SCP-1810 em Paris,Franças em 1932
A partir de Incidentes 147-1995-7, SCP-1810 não é mais permitido acessar a materiais gravados ou brinquedos humanoides, a porta de sua cela fora reforçado para resistir a ataques físicos, e um oficial de segurança adicional atribuído para lidar pessoalmente com SCP-1810, a fim de leva-lo pessoalmente para fora de sua cela. Todos os agentes designados para este cargo devem mostrar uma história notável de redução emocional a objetos SCPs humanoides, e uma aversão ao uso de força excessiva. Assim como, um psicólogo deve permanecer no local, a fim de pacificar SCP-1810 durante seus episódios de transtorno de estresse pós-traumático e transtorno depressivo. Ver adendo 1810-C1 e Entrevista Log 1810-1 para mais informações sobre os efeitos anômalos de SCP-1810.

Descrição: SCP-1810 é uma entidade humanoide com 81,6 kg e 3,8 m de altura coberto inteiramente com um pano escuro de um material desconhecido, incluindo uma máscara que esconde completamente seu rosto. Além disso, dois grandes discos construídos de uma liga desconhecida projetam a partir da posição aproximada dos seus ouvidos. Todos os agentes têm mostrado até agora mostram que é impossível de remover os discos do SCP-1810. É fluente em francês (embora ao nível esperado de uma criança) e prefere ser chamado de "Pierrot", um nome escrito na parte interna da sua gola da jaqueta. A entidade tem apresentado nenhuma alteração física ou de envelhecimento apesar de estar em contenção por quase 70 anos. Teoriza-se que é funcionalmente imune aos efeitos do envelhecimento, e continuará a viver indefinidamente a menos que seja encerrado. Após o incidente 147-1995-7, SCP-1810 não mostra capacidades cicatrização anormal, possui uma taxa de cura semelhante à dos humanos. Ver adendo 1810-C1 para obter mais informações.

Propriedades anômalas do SCP-1810 se manifestam quando fica menos de 500 metros das crianças que julga "perdida". SCP-1810 irá levá-las em seus cuidados, e tentará atender a suas necessidades e desejos. No entanto, parece haver alguma desconexão na compreensão do SCP-1810 de necessidades da criança e muitas vezes, recorre a métodos violentos e roubos para as crianças, e mostra um nível sobrenatural de força quando se trata de protegê-las ou cuidar de suas necessidades.

A Fundação teve conhecimento do SCP-1810, quando testemunhas relataram uma criatura sequestrando crianças e roubando vários objetos de um bairro na periferia em Paris, França. Diversas fotografias e rolos de filme que mostravam SCP-1810 foram descobertos e posteriormente arquivados no site 147, e a Fundação administrou amnésicos em todas as testemunhas oculares conhecidas, e afirmou que era um sequestrador com fantasia de carnaval que sequestrava e matava as crianças.

Adendo 1810-C1: Em ██ / ██ / 1995, após ver vários vídeos de entretenimento educativo infantil no período designado da recreação, SCP-1810 levantou-se em sua cela de contenção, arremessou a televisão e o videocassete, quebrando a tela da televisão. SCP-1810, em seguida, começou a bater na porta de sua cela, exigindo que o deixassem sair, alegando que precisava "proteger os bebês." A segurança entrou para sedar o SCP-1810. após abrir a porta, os seguranças foram empurrados pros lados e ficaram inconscientes pela força nunca mostrada antes pelo SCP-1810.

Quando o SCP-1810 chegou ao fim do corredor, uma segunda equipe de segurança chegou e administrou um choque elétrico a partir de um bastão de choque, incapacitando SCP-1810, e levou-o de volta à sua cela de contenção. Lesões de todas as equipes foram tratadas, incluindo um ferimento na cabeça do SCP-1810 que não fora reportada depois de ter sido devolvido à sua cela. Exames da filmagem do SCP-1810, antes da tentativa de fuga mostra um episodio especial do show [REDIGIDO] que lidava com bullies e a pressão entre crianças

Trecho sobre o incidente :147-1995-7

Parece que SCP-1810 não só tem uma resposta emocional elevada para todas as crianças, mas, na verdade, qualquer objeto que ele pense ser uma criança em perigo ou um estado de sofrimento emocional, e tem demonstrado um aumento do nível de força durante esses períodos de elevada emoção. Protocolos de contenção foram atualizados para refletir essa teoria confirmada, e os privilégios de entretenimento do SCP-1810 foram revogados, durante uma semana, em resposta à tentativa de violação. Qualquer outra tentativa de violação de contenção irá resultar em punições mais severas. Ele pode ter a mente de uma criança, mas não podemos permitir que isso influencie as nossas expectativas de comportamento ou a cooperação com protocolos do site ... Além disso, eu estou aqui atualizando classe de objeto do SCP-1810 de Safe para Euclid, de acordo com as medidas de segurança avançadas necessárias para a contenção. "

"... As ações do oficial de segurança Roux foram punidas com uma suspensão de uma semana, e ele será transferido para uma ala separada em seu retorno. Espero que tenha aprendido a lição com isso, porque eu não vou tolerar o uso de força excessiva na contenção dos SCPs ou entidades sob nossa custódia. é esperado que sejamos precisos e eficientes, não crués. Todas as ações foram desnecessárias ... Nós protegemos e seguramos. Mas a maioria de tudo, proteger. Isto inclui aqueles que já foram obtidos. isso é tudo. "

Entrevista 1810-1 

Entrevistado: Madeline O███████, de 6 anos, que estava sob vigilância do SCP-1810 após a contenção inicial da criatura. 

Entrevistador: Doutora Amelia J. P█████, uma psicóloga infantil sob o emprego da Fundação.

Prefácio: A entrevista a seguir foi realizada 13 horas após a contenção inicial do SCP-1810, e cerca de sete dias após Madeline fora capturada por SCP-1810. A criança estava em estado crítico enquanto estava sob cuidados dos médicos da Fundação. Todo o diálogo foi traduzido do original francês para fins de documentação. Para maior clareza e facilidade de comunicação com a testemunha, SCP-1810 foi referido pelo seu nome preferido, Mr. Pierrot, para a entrevista. Além disso, o discurso da criança foi padronizado e corrigido para fins de documentação. Consulte o departamento de registros para obter uma cópia da transcrição original em francês com coloquialismos mantidos, tiques verbais e erros.

Dr. P█████: Madeline, sou a doutora Amelia P█████. Como você está se sentindo, querida? 

Madeline: Eu estou bem, Doutora Amelia. Minha barriga dói. 

Dr. P█████: Ohh ... Você comeu algo que fez sua barriga doer?

Madeline: Sim ... Mr. Pierrot me deu um pouco de carne estranha e vegetais. Eu comi todos os dias com ele. 

Dr. P█████: Alimento estranho, hein? Sabe onde ele conseguiu essa comida?

Madeline: Eu não sei ... ele sempre foge para pegar comida para mim. Ele voltou um dia e vi um grupo de plantas engraçadas e algo estranho em seu bolso, e ouvi-los chiar. Ele sempre recheou com um pedaço de pau e colocava no fogo. Foi assustador, mas eu estava com fome.

Dr. P█████: Entendo ... soa desagradável. Você poderia me dizer sobre como você conheceu o Sr. Pierrot? Eu quero aprender o máximo que puder sobre ele. Além disso, se acalme, querida. Eu preciso ter certeza de que eu possa gravar tudo isso.

Madeline: Sinto muito, doutora ... Eu vou tentar ... Bem, mamãe e papai ambos desapareceram há muito tempo ... Eu estava morando com minha irmã mais velha e seus amigos na cidade. Um dia eu entrei em uma briga com eles por causa de comida. Eles estavam me machucando muito ruim. Mr. Pierrot veio e me salvou. Ele era um pouco assustador. 

Dr. P█████: O que ele fez para assustá-la?

Madeline: Mathieu estava me batendo. Eu não conseguia respirar. Minha irmã já tinha sido espancada e estava desmaiada em um canto. Mr. Pierrot apareceu, gritando. Ele bateu no Mathieu, ele olhou todo engraçado depois que o Sr. Pierrot o acertou... como uma tigela grande . Os outros fugiram. Mr. Pierrot me abraçou e me disse que tudo ia ficar bem. Ele disse que me amava muito e mesmo que minha mamãe e papai fossem embora e meus amigos me odiassem, ele sempre ia me amar e cuidar de mim para sempre e os valentões nunca iam me machucar de novo.

Dr. P█████: O que aconteceu depois?

Madeline: Bem, ele me levou para a casa dele. Foi estranho era no sub-solo. Havia todos os tipos de livros engraçados que minha mãe lia para mim e minha irmã antes de irem dormir. Um monte de coisas sobre como cuidar de bebês também. Mr. Pierrot sempre lia aqueles. Disse que os médicos lhe deram idéias sobre como cuidar de crianças como eu. Ele me disse que ele não estava acostumado a cuidar de bebês humanos, mas que ele faria o seu melhor para ser um bom pai para mim

P█████: Entendo. O que aconteceu depois disso? 

Madeline: Bem, ele disse que ia sair para comprar alimentos e brinquedos e coisas para mim, e perguntou se eu queria alguma coisa. Eu pedi um unicórnio. Eu tinha uma bonequinha de unicórnio que sempre carregava comigo, mas eu perdi quando o Mr. Pierrot me salvou. 

Dr. P█████: Ah ... tudo bem. E ele lhe trouxe uma nova boneca unicórnio? Não, não querida, por favor, se deite. Você não está em condições de pular de sua cama assim..

Madeline: Foi ainda melhor do que isso. Mr. Pierrot me trouxe um unicórnio REAL! Bem, tipo...

Dr. P█████: Tipo...? O que quer dizer, Madeline?

Madeline: Bem, foi um grande cavalo branco, mas seu chifre sempre escorregava. Ele tinha um prego preso no fundo de seu chifre. E naquela noite, eu estava brincando com o unicórnio, e o chifre quebrou e um espinho ficou preso no meu polegar,viu? Mr.Pierrot não conseguiu tirar. 

Dr. P█████: Oh, isso é terrível. Eu vou chamar outro médico para tirar isso,querida.

Madeline: Uh huh ... o unicórnio não era tão divertido, de qualquer maneira. Ele não parava de chorar e adormecia quando eu queria brincar com ele. Eu acordei na manhã seguinte e Mr. Pierrot disse que o unicórnio estava tomando um bom cochilo longo no outro quarto. Eu não vi o unicórnio mais depois disso. 

Dr. P█████: Ohh ... isso é muito triste. O que aconteceu depois?

Madeline: Bem, eu e o Mr. Pierrot brincamos nos túneis e comemos mais daquela carne estranha e vegetais que ele trouxe para nós e leu histórias e ... 

Dr. P█████: Ok, ok, eu tenho uma idéia, pequena. Existe alguma coisa que você precisa me dizer sobre Mr. Pierrot?

Madeline: Bem ... Ele sempre fez essa coisa estranha sempre que chegávamos a uma porta ... Ele tirava uma pequena chave e ficava segurando. Mas as portas já estavam abertas.Eu não sei o motivo que ele fazia isso. Era bobo. 

Dr. P█████: Alguma vez você perguntou o que ele estava fazendo com a chave?

Madeline: Sim... ele disse que queria me levar para a sua casa com os seus verdadeiros filhos, mas nunca encontrava a porta certa para usar a chave ... talvez você possa ajudá-lo a chegar em casa, Doutora Amelia? 

Dr. P█████: Eu vou ver o que posso fazer. 

Madeline: Obrigada, doutora ... Eu acho que vou dormir agora. 

Dr. P█████: Descanse um pouco, Madeline. Eu prometo quando você acorda, você vai se sentir bem melhor.

Fechamento da Declaração: Após a entrevista acima, as memórias da testemunha dos eventos foram suprimidas, e ela foi enviada para um centro médico fora do local antes de ser colocada em um orfanato. Uma varredura da área em que SCP-1810 fora capturado mostravam os corpos de várias crianças que se reuniam em uma sala. Nas paredes da sala tinham inscrições referentes ao desejo da entidade para retornar à sua casa. Além disso, o corpo de um cavalo mutilado foi encontrado na sala, com as palavras "Mauvais" e "Faux"esculpida em seu flanco. A localização da "chave" que testemunha declarou não foi encontrada

Fui o único que lembrou do Slender ?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS