terça-feira, 14 de janeiro de 2014

RELATO DOS LEITORES #16

Tenho feito varios estudos sobre sonhos lúcidos e cheguei no assunto de paralisia do sono. O assunto muito
me interessa pois tenho episódios de paralisia do sono desde os 10 anos de idade. Minhas experiências foram assustadoras e muitas foram terríveis, hoje porém não tenho razões para me preocupar.

Gostaria apenas de relatar algumas situações.

Passei a ter paralisia do sono logo após minha mãe me alertar sobre um ser que a atacava na cama tentando sufocando-a durante o sono (minha mãe tinha passado varias vezes por esta experiência).

O primeiro episódio me aterrorizou, pois foi na mesma semana, lembro que ainda dormindo comecei a ouvir minha mãe a conversar com minha irmã na sala da casa, com a sensação de acordado fui me levantar da cama superior do beliche onde dormia, via o quarto perfeitamente e ouvia as pessoas conversando, quando olho para cima do guarda roupa e vejo 'minha irmã' (a que estva na sala conversando com minha mãe), deitada de lado sobre o guarda roupa a me olhar enquanto sorria malignamente, logo tentei saltar da cama e correr... Iniciou-se o terror; meu corpo paralisou (perceba que meu evento não foi a partir da paralisia e sim após a visão), minha vista embaralhou e senti minha cabeça reclinar para trás, então não conseguia gritar nem falar, tentei bater minha mão na cabeceira da cama, meu desespero foi ao máximo pois sentia aquela pessoa sobre meu peito (era como esta imagem, identica exceto pela faixa na cabeça). Sentia as mãos no meu pescoço.

Após uns instantes de terror acordei, imediatamente desci da cama e fui à sala onde a minha mãe e irmã estavam, relatei a minha mãe o caso, depois disso todas as noites ocorriam e sempre uma experiência diferente. Eu tinha 10 anos quando ocorreu a 1ª vez, não tinha vida estressada nem motivos para que isso ocorresse como é descrito científicamente, as primeiras vezes eram frequentes quando eu adormecia, depois passei a ter quando estava a despertar.

Uma vez que marcou muito e que para mim prova que a paralisia do sono é mais Espiritual do que científica foi quando ao s 13 anos de idade durante a madrugada eu senti que algo havia subido na minha cama do beliche, senti como se 3 presenças pequenas e humanoides tivessem subido e começado a me segurar sutilmente para que eu não percebesse. Naquele momento eu me lembrei de uma frase que os Crentes usavam em suas orações e a repeti em voz alta eu disse "O sangue de Jesus tem poder".

Neste momento fui jogado de cima do beliche caindo sobre a enceradeira de minha mãe. Meus pais vieram correndo, como eu havia batido as costas não conseguia me firmar de pé, após uns minutos recuperei as forças, mas não contei nada a eles, alguém poderia dizer que cai do beliche ao rolar, mas a questão é que antes de cair eu senti as figuras me empurrando apoiadas nas paredes e impulsionando-me com os pés, fui de encontro ao guarda roupa e depois voltei caindo sobre a enceradeira (máquina antiga de lustrar pisos).

Creio não ter tempo para relatar tudo nestes anos, mas uma coisa é fato, compartilhei isso com minha esposa, ela nunca teve paralisia do sono, após relatar um dos fatos a ela, da mesma forma ela passou a ter os episódios e ainda estranhos como em uma situação (resumidamente) ela foi atacada por um bebê que enquanto a estrangulava disse a ela o seu nome. Na outra semana em seu trabalho (trabalhava em hospital) um paciente a olhou e disse a ela ao cumprimentar, " Eu sou o ( fulano)" repetindo o nome que ela ouviu do bebê no episódio da paralisia do sono.

Muito cuidado, pois lidar com o desconhecido pode ser muito mais perigoso do que você pensa, entrar no território desconhecido sem ter plena certeza de como voltar pode gerar muitas consequências e morrer dormindo pode não ser tão sereno quanto se pensa.

Um forte abraço a todos.

wanderson.gomes@outlook.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS