segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Loa loa: o verme de olho


A Loa loa é uma espécie de nematódeo do gênero Loa causador de um tipo de filaríase, nestes casos é denominada “loaíase”. Estes vermes estabelecem-se em pares macho e fêmea nos vasos linfáticos, podendo causar um aumento de volume devido a drenagem linfática deficiente nas pessoas contaminadas.

A viagem  deste verme é assustadora:os adultos se reproduzem sexualmente gerando inúmeras larvas microscópicas que atingem os tecidos subcutâneos e migram pelo corpo podendo ser sugadas pelas moscas transmissoras do sangue. As moscas responsáveis por essa transmissão são da família Tabanidae, especialmente do gênero Crysops, encontrada, sobretudo na África tropical.

A viagem das larvas pelo corpo pode resultar em muitos sintomas, um deles é quando migram para a conjuntiva (parte branca do olho) onde ficam bem visíveis. Por isso, Loa loa é conhecido como verme do olho. Ali se aloja e se a pessoa tiver uma sorte pior ainda, o verme pode migrar para o cérebro e causar sérios danos neurológicos. Assim, na pior das hipóteses é melhor ficar no olho mesmo!

A remoção do nematódeo é cirúrgica juntamente com o uso de uma medicamento chamado dietilcarbamazina.



Veja um caso:

Medico encontra verme vivendo dentro de olho humano

John Matthews estava tendo alguns problemas com a visão do olho esquerdo. A visão tornava-se cada vez mais tênue, e havia duas manchas escuras constantemente à vista. Ele a descreveu como olhar através de uma lente suja de lama.

Preocupado que estava perdendo a visão, John procurou ajuda médica. Na primeira, o Dr. JamesFolk não conseguiu encontrar o problema, mas depois de examinar através de microscópio os olhos de John, ele percebeu que havia um verme vivendo ali.

Não se sabe muito sobre o verme, como houve apenas 15 casos conhecidos como este, mas o que se sabe não é muito agradável. O verme é ingerido de uma forma ou de outra, e, em seguida, começa a fazer o seu caminho a partir do estômago através do tecido da pessoa, que se deslocam até o seu olho ou o cérebro. Em seguida, ele sobrevive alimentando-se da retina da pessoa.

Apesar de sua visão de ser turva, ele podia ver o verme se locomovendo em seus olhos. Dr. Folkconseguiu matar o verme através de um laser, e John agora está fazendo tratamento para restaurar sua visão, embora seja improvável que alguma vez se recupere totalmente.

Algumas imagens:




Loa loa antes de chegar aos olhos:



Fontes: 
http://diariodebiologia.com/
http://www.newbreak.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS