terça-feira, 18 de junho de 2013

Crônicas de Lúcifer, Motivos de Samael Parte- 4


''Lúcifer, devo dizer que sua forma feminina é realmente linda!''- Prepara o gatilho de suas armas. Não posso permitir que minha casca seja ferida mais uma vez, giro rapidamente, acertando um chute em suas costelas o jogando, assim, para um campo aberto logo após a casa destruída.
''Agora podemos lutar melhor!''- Afirmo encarando Samael, esse anjo desgraçado... Pouco tempo atrás jurando lealdade eterna a min e agora tentando me destruir.

Aumento minha energia ao máximo, libertando minhas seis asas negras, meus chifres, aparecem varias tatuagens roxas em meu corpo... Mas oque? Eu voltei a minha forma masculina? Droga, estou em uma situação pior do que a que eu imaginava... Tenho que acabar com essa luta o mais breve possível. Me teleporto para a frente de Samael e encosto a ponta de meus dedos em seu tórax, assim, gerando uma onda de impacto que o jogou contra o chão criando uma pequena cratera.

''Você ainda continua muito forte... Vamos ver por quanto tempo!''- afirma me encarando e depois desaparece... Olho para os lados, e depois para cima.
''Aqui!''- Fala reaparecendo na minha frente acertando sua arma na minha barriga, assim, me jogando contra o solo... Paro antes de encostar no chão... ''Samael, seu maldito traidor!''- Grito em fúria, eu podia esperar isso de um dos meus demônios, mas nunca de um irmão meu, que caio junto a min... Agora que reparei, suas asas são brancas? Como pode um anjo caído possuir asas brancas? Nem mesmo se foce reaceito no céu poderia realizar tal proeza... Dane-se irei mata-lo. Me preparo para uma investida final, mas sou surpreendido por ele, começando a atirar insanamente... Fecho minhas asas para proteger minha casca.


Estou cansado dessa luta... Quero matar esse desgraçado agora... Explodo meu poder, minhas asas de anjo se tornam seis enormes asas de morcego, meus chifres ficam enrolados, meus olhos ficam púrpuros e as tatuagens roxas em meu corpo se tornam vermelho sangue. Em uma investida cruel e sem piedade persigo Samael, destruindo tudo que estava a minha frente... Estou muito próximo... Acabou para você Samael, seu anjo traidor.

Hã? Que cansaço é esse? Não consigo mais me mexer? Nunca tinha me sentido tão cansado... Droga, minha forma esta se desfazendo? Minhas asas estão se encolhendo, minhas tatuagens sumindo, meus chifre virando cinzas... Mas que droga, isso é muito irônico... Ha um momento atrás eu estava no meu auge e agora estou tão vulnerável quanto um humano... Droga.... Samael esta vindo em minha direção... Vou morrer como um mero humano? AHAHAHAHA... Mas que droga em...

''Eu sabia... Você esta em um estado deplorável Lúcifer! Sair do inferno já requer muito poder e ainda mais sair com a sua casca... Sério, oque você esta planejando Lúcifer?''- Pergunta já a três passos de min... Mal consigo me manter em pé.. Estou muito ofegante, também não consigo falar... Apenas ofegando sem parar... Nunca pensei que seria morto por um de meus servos... E logo você Samael...-''Esta bem, agora você precisa descansar''- Termina de falar acertando minha nuca, me fazendo perder a consciência.

Acordo em uma casa e ao meu lado vejo a profeta, dormindo encostada a cama... Ela esta com roupas novas... Oque aconteceu? Levanto e começo a andar pela casa, é uma grande e bonita casa... É de Samael? Olho pela janela e encostado a uma arvore vejo Samael olhando para as montanhas... Pulo a janela e me aproximo de Samael.
''Porque não me matou?''- Pergunto curioso
''Porque eu mataria? Eu te amo mais que tudo Lúcifer!''- Afirma olhando com uma expressão suave... Oque esse maldito quer?
''Me ama? Então porque machucou minha casca?''- Pergunto o encarando
''Eu só queria ti mostrar que você não deve selar tanto pela sua casca! Seja lá oque você queira no mundo de nosso pai, deve ser algo realmente grande, para você arriscar todo quase todo o seu poder, pra pegar sua casca... Nesse caminho haverá inúmeras batalhas e se você quiser sua casca intacta a todo o momento ira se distrair e morrer!''- Afirma olhando novamente para as montanhas.
''E me faz gastar grande parte do meu poder restante... E como você tem asas brancas? Um anjo caído, não pode ter tais asas!''- Grito em fúria
''Pode sim! Asas brancas significam pureza... E um anjo só pode usar toda sua capacidade quando esta completamente puro... Você já deve ter percebido isso!''- Fala calmamente
''Verdade... Ate agora tudo que você me falou faz sentido!''- Afirmo sentando ao seu lado- ''Mas eu não o perdoarei!''- Afirmo com minha raiva se esvaindo de min
''Eu sei disso! Eu irei lhe ajudar, sempre, não importa oque aconteça, não importa a maneira, mesmo que você tenha que me matar! Óh grande Lúcifer!''- Discursa ajoelhado para minha...
''Não irei lhe perdoar mesmo assim!''- Afirmo olhando para as montanhas atrás do que ele estava olhando
''Tome isso, eu as fiz especialmente para você!''- Me entrega duas pistolas pratas...
''Oque é isso? Presentes para tentar se redimir?''- Pergunto me irritando
''Não são para me redimir, eu as fiz quando soube que saio você saio do inferno! São armas especiais, muito mais potentes do que as pistolas normais!''- Me explica se levantando- ''Você sabe remover a alma dos humanos certo?''- Pergunta sorridente
''Sim, eu sei porque?''- Perguntei curioso
''Vamos, pegue suas armas e venha para cá! Vou lhe ensinar técnicas de hashmallim!''- Afirma me chamando com as mãos... Técnicas de hashmallim? Ele esta falando serio?
''E depois vou lhe mostrar como se purificar e alcançar o seu auge!''- Afirma ainda sorridente
Uma semana depois!!
Ha, finalmente esta na hora de sair daqui, aprendi todas as técnicas que Samael tinha para me ensinar. Gabriela ainda não acordou... Ai ai, essa profeta é muito preguiçosa, sera que ira aguentar a nossa longa caminhada?
''Ei vagabunda acorda!''- Falo derrubando a profeta da cama
''Você esta louco?''- Grita comigo... Eu a encaro, e ela fala calmamente, arrumando a cama- ''Você me assustou... Desculpa!''- Aceno com a cabeça e saio do quarto.

No lado de fora, estava Samael olhando para as montanhas. Me aproximo e pergunto
''Oque você tanto olha?''
''Não sei, talvez esteja tentando encontrar nosso pai! Estupido não?''- Pergunta entristecido
''Claro que não, eu também gostaria de revelo mais uma vez!''- Afirmo calmamente
''Isso me lembrou uma coisa... Você não estava lutando com tudo de si comigo... Não era? Estava lutando da mesma forma que lutou antes de cairmos do céu!... Movido por suas emoções, e não querendo matar... Você é muito emotivo Lúcifer! Você deve se preparar para matar qualquer um!''- Afirma seriamente... Ele esta falando a verdade! No meu interior eu não queria mata-lo... Eu poderia ter me teleportado para perto dele quando dei minha investida... Eu realmente não estava pensando em nada!
''Mas se eu tivesse te matado, você não teria me ensinado oque me ensinou!''- Afirmo
''Verdade, mas como os humanos dizem:'Tudo esta no tempo de Deus!'''- Afirma sorridente
''No tempo de Deus é? Você mudou bastante Samael!''- Afirmo com um sorriso
''Você também Lúcifer! Mas pense comigo... Você não deveria poder sair do porão com sua casca, mesmo que gastasse a sua vida! Existem vários de nossos irmãos protegendo o lugar onde sua casca estava presa... Em milhares de anos, não houve sequer uma falha... E nem nunca deveria ocorrer... Quem você acha que permitiu sua fuga?''

Escrito por: Luan

Continua...

Gostaram? Comentem para eu saber se estou indo bem! Abraço e ate a próxima \o ~Luan

4 comentários:

  1. achei meio confuso,pelos erros.Mas....tá maneira,cara....só não entendi essa coisa toda da "casca"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vitor, a "casca" seria uma "roupa": um corpo humano desprovido de alma que ele pode usar para se disfarçar entre os seres humanos. Né isso Luan?

      Excluir

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS