sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Fatos Assustadores do Rock

Verdade ou Mentira?

Lenda ou Fato?

Confira algumas histórias horripilantes sobre astros do Rock mundial, entre eles: Led Zeppelin, Ramones, Ozzy Osbourne (não me diga) entre outros...

       

O bluesman Robert Johnson, que influenciou Bob Dylan a Rolling Stones, morava na zona rural do Mississipi e sonhava se tornar músico. Johnson foi então instruído a levar sua guitarra a uma encruzilhada, onde ele teria vendido a alma ao diabo. O cantor e guitarrista morreu em 1938, aos 27 anos, depois de beber uísque envenenado.

                                         
 A banda americana Lynyrd Skynyrd ficou mais conhecida em 1973, depois que diversos membros, incluindo o vocalista e compositor Ronnie Van Zant, morreram em um acidente de avião. A tragédia aconteceu apenas três dias após o lançamento do álbum “Street survivors”, cuja foto da capa mostra o grupo no meio de um incêndio.

           

Em 1985, o adolescente John McCollum, cometeu suicídio enquanto ouvia a música “Suicide Solution”, de Ozzy Osbourne, sobre os perigos do abuso de álcool. Os pais do garoto processaram o roqueiro, alegando que a letra da canção o havia influenciado.

      

Diversos fatos trágicos acometeram o cantor Robert Plant nos anos 70. Além de enfrentar sérios problemas com a voz após as gravações de “Houses of the Holy”, o músico sofreu um acidente de carro na Grécia que deixou membros de sua família machucados. Em 1977, seu filho Karac não resistiu a uma infecção e morreu aos seis anos. Alguns fãs do Led Zeppelin atribuem a falta de sorte ao envolvimento de seus integrantes com a magia negra.

                                 

O processo de criação de “The Bedlam in Goliath”, quarto e mais recente álbum de estúdio do Mars Volta, foi cercado por incidentes bizarros. Tudo culpa, dizem os músicos, de um tabuleiro Ouija comprado por Rodríguez-López durante uma viagem em Jerusalém. Assim que os integrantes adquiriram o objeto, o baterista deixou a banda no meio da turnê, o vocalista precisou fazer uma cirurgia nos pés, o estúdio inundou e várias gravações sumiram.

                                

“Too Tough to Die” (Duro demais para morrer), faixa do álbum de mesmo nome lançado em 1984 pelos Ramones, é uma homenagem a Johnny Ramone. O guitarrista da lendária banda punk teria se envolvido em uma briga em um bar em 1983. Levou tantos socos e chutes na cabeça que acordou no hospital, após uma complicada cirurgia para recuperar seu crânio fraturado.

                                       

"Hotel California", dos Eagles, fala sobre uma igreja cristã abandonada e depois dominada por satanistas; os próprios Eagles seriam satanistas.

                                             

O produtor Bob Ezrin conseguiu o choro das crianças na música "The kids", de Lou Reed, dizendo aos filhos que a mãe deles havia morrido.
(Ouça a música aqui, os choros podem ser ouvidos claramente em torno de 5:20min).

                                   

"Dimebag" Darrell, conhecido como membro-fundador do Pantera, morreu no dia 8 de dezembro de 2004 no show de sua banda Damageplan no Alrosa Villa, em Ohio. Nathan Gale, o assassino, deu cinco tiros na cabeça do músico.
(Veja o vídeo da CNN, em inglês, onde mostra o momento exato do incidente aqui.)

                                 

A tradição dos funerais está mudando na cidade de Adelaide, na Austrália. Lá, clássicos do rock como “Stairway to heaven”, de Led Zeppelin, e “Highway to Hell”, do AC/DC, viraram moda em enterros.

                                 

Uma professora norte-americana chamou a polícia ao ouvir um trecho da música “Welcome to the jungle”, do Guns N’ Roses, e pensar que fosse uma ameaça de morte. A faixa foi tocada no sistema de som da Booth Free School, em Roxbury; Connecticut.

                              
Um dos mitos mais persistentes do mundo do rock dá conta de que Paul McCartney teria morrido em um acidente, em meados da década de 60, e está sendo substituído até hoje por um sósia.

                              

Reza a lenda que a música “Helter skelter”, dos Beatles, teria inspirado Charles Manson a assassinar a atriz Sharon Tate, então grávida de oito meses, e outras quatro pessoas em um ritual satânico.

Fonte: eusourocknroll

6 comentários:

  1. Nossa muito bom!

    Eu já havia escrito sobre os beatles (sou fanática por eles) sobre essa história do sósia, e uma creepypasta traduzida sobre o Hotel Califórnia dos Eagles...

    Mas venso a letra dos Eagles eu acho que eles tem um significado mais profundo sabia? Se você reparar bem, poderia ser um hotel mesmo MAS um hotel onde eles fariam reuniões da elite, cujo eles mesmo fazem esse rituais de paganismo e satânicos para conseguir dinheiro, fama... Ricos da elite reservam hotéis desse tipo (muitas vezes mesmo o hotel é da franquia da família deles) para fazerem esse tipo de festas, rituais, cerimônias com só convidados por membros que são integrantes do interior da seita.

    Analise a letra da música ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *Penso* errei acima, escrevi 'venso' LOL

      Mas agora como eu disse, pode ser isso se você ler bem a letra, eu já conheci uma pessoa convidada,e é dessa forma que acabam se integrando, eles olham e vêem que tem "algo" na pessoa, e acabam convidando para a integração na seita.

      Excluir
    2. O_o Bom ponto de vista. Analisei a letra e encontrei algumas referências que você fez(não sou um bom observador). Eu escutei a música deles e francamente não gostei, mas tem muita gente que gosta,só pode ser pacto mesmo.-sqn

      Excluir
    3. hauhauhauha eu sou uma dessas pessoas que gosta dessa música, e até acho estranho pois, gosto de rock, mas Hotel California não é meu tipo de musica que eu costumo escutar.

      Obrigada por me responder ;)

      Excluir
    4. O pacto fez efeito sobre você. u_u huahuahuahua de nada :D

      Excluir
  2. Highway to Hell em um enterro SAUHSAUSHUAHUSHAUHSAUHSA que sacanagem mano xD

    ResponderExcluir

Sua alma está mesmo segura dentro de você?

SENSITIVOS